Pior que os vizinhos

A variação do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro em 2012 deixou-nos perplexos, especialmente pela manutenção do emprego. O crescimento, embora menor a cada ano, não o atinge. E a população economicamente ativa (PEA) é crescente (2010 foi um ano atípico, excepcional, estranho, em que tudo cresceu desordenadamente). Eis a relação da evolução dos PIBs na […]

leia o post


A nossa responsabilidade

Brasileiros têm a mania detestável de colocar a culpa de nossos males nos portugueses, o que não é verdade. Quem primeiro chegou ao Rio de Janeiro, fez amizade com os índios e fundou uma vila onde hoje é o bairro do Flamengo foram os franceses. Os portugueses e a gente de São Vicente, com os […]

leia o post


Brasil e Inglaterra

Com a morte da senhora Thatcher morre também o neoliberalismo que ela e Reagan implantaram até o dia do estouro de Wall Street e da City Londrina (a crise do subprime). O Reino Unido, no tempo da rainha Vitória e durante o século 19, foi a potência dominante no mundo. O Império britânico abrangia a […]

leia o post


Acordo sino-japonês

O poder desloca-se para a Ásia. Uma jogada entre a China e o Japão acaba de acontecer, de largo alcance Antes da Segunda Guerra Mundial o crescimento do Japão era obstado no pacífico pelo imperialismo inglês (Índia, Birmânia, Ceilão), holandês (Indonésia), francês (Indochina) e demais potências europeias, inclusive Portugal (Goa, Gamão, Diu, Macau). A China […]

leia o post


A equação de Flassbeck

Estamos numa fase crítica da economia mundial. As três economias avançadas %u2013 os Estados Unidos, a Europa e o Japão, 70% da economia global %u2013 estão tomando o rumo da estagnação. Como não perceber o fim de um ciclo histórico e o início de outro, nesses primórdios do século 20. Analisemos os fatos. Em 1945, […]

leia o post