Intervenção na Síria

Os Estados Unidos não são o juiz, a polícia e o sistema carcerário da humanidade. Quem lhes deu esse mandato? O Conselho de Segurança da ONU reflete o fim da 2ª Guerra Mundial. As potências vencedoras decidem juntas e cada uma exerce o poder do veto. São cinco: EUA, Rússia, China, França e Reino Unido. […]

leia o post


O Brasil no mundo

Precisamos liderar o continente pelo exemplo democrático e pelo poderio econômico sem condescender com experiências totalitárias. De há muito queria falar das ambiguidades da política internacional e do jogo geopolítico atual. Causa-nos um sentimento de exagero a “demonização” do Irã como “Estado pária”, a colocar em insegurança o mundo ocidental por causa de seu programa […]

leia o post


Cartago existiu na Líbia

O futuro árabe está sendo jogado na Líbia onde a todos interessa a riqueza do petróleo, um regime democrático e a liberdade de oportunidades. Dois fenômenos ainda não devidamente quantificados estão nos bastidores da denominada primavera árabe: o papel conscientizador da rede de TV Al Jazeera, com edições em inglês, árabe, turco e farsi, e […]

leia o post


11 de Setembro

Estão por vir civilizações mais gentis, menos repressivas, mais igualitárias e refinadas espiritualmente. Há 10 anos, em 11 de setembro, as torres gêmeas de Nova York foram barbaramente derrubadas, trazendo os horrores da guerra para o coração dos EUA. Os sofrimentos foram tantos que nos comovemos com as perdas de vidas inocentes, nos pusemos no lugar dos seus parentes.

leia o post


Hipocrisia, Grécia e Síria

A China, sábia, prepara-se para crescere a 8%, voltando-se ao seu descomunal mercado interno para substituir o externo. A importância da Grécia na formação do pensamento ocidental é apenas comparável à de Roma, que juntou a Bacia do Mediterrâneo unificando o Oriente Próximo (o Médio é mais para lá) à Europa inteira, sob seu comando […]

leia o post


Pág 3 de 41234